Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

GNR procura armas usadas pelos condutores

A GNR de Grândola desencadeou, ontem de madrugada, uma operação de fiscalização ao trânsito para detectar armas usadas pelos condutores para resolver problemas de trânsito – e que agora são proibidas por lei. Uma faca e uma soqueira foram apreendidas, mas há mais armas a preocupar as autoridades: é o caso da popularmente chamada ‘picha de boi’, um bastão caseiro que pode revelar-se fatal.
15 de Outubro de 2006 às 00:00
Militares apanharam três brasileiras em situação ilegal no País
Militares apanharam três brasileiras em situação ilegal no País FOTO: Carlos Barroso
Segundo a nova lei das armas, todos os objectos contundentes, facas, bastões, soqueiras são proibidos e podem levar a três anos de cadeia. A lei não fala da ‘picha de boi’, à venda em feiras, mas as suas características integram a Categoria A. Trata-se de um espigão que, extraído do órgão sexual do animal, depois de seco, se torna num objecto contundente “muito perigoso”. “É comum encontrar este tipo de arma em fiscalizações a condutores, que as usam para defesa”, disse uma fonte da GNR ao CM.
Ontem de madrugada a GNR não encontrou nenhuma arma idêntica, mas apreendeu uma faca com 16 centímetros de lâmina e uma soqueira a dois condutores de 20 e 26 anos. Na operação – que mobilizou 26 militares nas estradas, casas de alterne e zonas associadas ao consumo e ao tráfico de droga – foram detectadas três brasileiras em situação irregular no País: duas, de 26 e 47 anos, foram notificadas para abandonar o País; uma outra, de 26, terá de comparecer no Serviço de Estrangeiros e Fronteiras para regularizar a sua situação.
Além do registo de multas aos proprietários de estabelecimentos, foi identificado um segurança em exercício sem licença concedida pelo Ministério da Administração Interna. A GNR identificou um homem de 28 anos na posse de haxixe e liamba e deteve uma mulher, da mesma idade, por injúrias aos militares.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)