Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

GNR proíbe uso de chapéu aos militares durante patrulha

Esta segunda-feira efectivo foi avisado de que não devia usar máscara de protecção individual durante o patrulhamento.
Miguel Curado 17 de Março de 2020 às 14:27
GNR
GNR FOTO: Ricardo Almeida
Depois desta segunda-feira ter informado todo o efectivo de que não deve usar máscara de protecção individual durante o patrulhamento, o comando-geral da GNR enviou nesta terça-feira uma diretiva a todo o efetivo, proibindo o uso de chapéus ou boinas nas missões de vigilância.

No documento, a que o CM teve acesso, o comando da GNR "dispensa a utilização da boina ou outro artigo para cobrir a cabeça, em todas as atividades inerentes ao cumprimento da missão da Guarda".

Ao que apurámos junto de fontes desta força de segurança, a hierarquia da GNR quer assim evitar que os militares se coloquem a si próprios em risco. "Existe o hábito de os militares pousarem as boinas ou chapéus das fardas em qualquer superfície quando andam na patrulha. A ideia agora é travar mais esta possibilidade de contágio aos militares", explicou ao CM uma dessas fontes.
GNR crime lei e justiça polícia coronavírus
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)