Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

GNR protege ladrão da revolta popular

A população de Cête, em Paredes, está revoltada com a recente onda de assaltos. A vontade de fazer "justiça pelas próprias mãos" cresce de dia para dia e a GNR tem feito vigilâncias apertadas na zona onde vive André Rocha, um ex-recluso que é suspeito de roubos, para evitar um linchamento. Nos últimos dias os militares têm patrulhado as ruas e vigiado a casa do ladrão para evitar que a situação se descontrole.
23 de Outubro de 2010 às 00:30
Joaquim Correia, presidente da Junta de Cête, e Francisco Sousa, da banda de música, estão revoltados
Joaquim Correia, presidente da Junta de Cête, e Francisco Sousa, da banda de música, estão revoltados FOTO: direitos reservados

"As pessoas vêm-me pedir ajuda. Já correm rumores de que o povo se vai organizar para parar com todos estes assaltos", disse ao CM Joaquim Correia, presidente da junta de Cête.

Receoso do que possa vir a acontecer, Joaquim Correia já se queixou no Tribunal de Paredes para responsabilizar as autoridades judiciais, mas a GNR sustenta que o número de crimes na freguesia não tem aumentando. Certo é que todas as semanas são registados pelo menos quatro assaltos. "Os alvos principais são as casas dos idosos que, durante o dia, frequentam o Centro de Dia. As casas estão vazias e são mais fáceis de roubar", explica o autarca.

A população também não tem qualquer dúvida em apontar André Rocha, de 33 anos, como autor dos roubos. Há 15 anos, o homem, que é conhecido pela alcunha de ‘Rambo do Covão’ cometeu vários roubos na freguesia e violou também um rapaz. Na altura, o povo uniu-se, cortou a auto-estrada em sinal de protesto e, após vários dias de buscas, André foi detido. O rapaz foi julgado e condenado a mais de dez anos de prisão.

Há cerca de três anos o ‘Rambo do Covão’ foi libertado e a freguesia voltou a ser assolada por uma vaga de assaltos. "Desde que voltou que não tem havido sossego. Enquanto ele esteve preso não acontecia nada disto", disse um vizinho do ladrão. O último assalto aconteceu terça-feira. André tentou roubar uma mulher, mas teve de fugir pois aquela começou a gritar.

GNR Ladrão Paredes
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)