Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

GNR sofre descarga eléctrica

Um militar do Sub-agrupamento Bravo da GNR a prestar serviço em Díli, Timor-Leste, ficou ferido com gravidade ontem à tarde quando, na altura em que reparava uma máquina dentro do quartel, sofreu uma descarga eléctrica. O militar ficou inconsciente e, face à gravidade das lesões, teve mesmo de ser transportado para o Hospital de Darwin, na Austrália. Segundo informação do Comando Geral da GNR, não corre, no entanto, risco de vida.
15 de Julho de 2010 às 00:30
140 militares estão em Timor
140 militares estão em Timor FOTO: direitos reservados

"Quando soubemos da situação ficámos preocupados, uma vez que dos ferimentos podem resultar sequelas a nível neurológico. Mas já falámos com os médicos, que nos tranquilizaram bastante. Os familiares já foram avisados e, inclusivamente, já falaram com o médico sobre o seu estado de saúde", disse ontem ao CM o coronel Pedro Costa Lima, porta-voz da GNR. O ferido é natural de Castelo Branco e faz parte do contingente composto por 140 militares que partiu em Abril para uma missão de meio ano em Timor-Leste.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)