Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

GNR trava salto mortal em ponte

Dois militares agarraram rapariga com 16 anos antes de se lançar de altura de 70 metros
28 de Maio de 2013 às 01:00

Uma jovem adolescente de 16 anos, que estava prestes a lançar-se de uma ponte com mais de 70 metros de altura acima do nível da água, foi ontem salva por dois militares da GNR do Posto Territorial de Resende. O ato heroico aconteceu pelas 09h30, na Ponte da Ermida, que liga Resende a Baião.

Os guardas José Carvalho e Rúben Costa receberam uma comunicação via rádio que dava conta de que uma jovem faltou à escola e que tinha enviado uma mensagem a uma professora escrevendo que se iria atirar da ponte.

"Quando os militares chegaram, a adolescente já estava para lá das grades de proteção, no centro do tabuleiro, prestes a atirar-se às águas do rio Douro", explicou ontem ao CM o capitão Pedro Reis, comandante do destacamento territorial de Lamego.

Apesar dos gritos que exigiam que ninguém se aproximasse, os guardas, através do diálogo e com a ajuda de um professor, conseguiram agarrá-la. "Foi muito difícil, mas ao mesmo tempo muito gratificante" contaram os militares. A jovem foi levada para o Hospital de Penafiel, onde ficará agora internada.

A jovem frequenta uma escola em Resende e está a atravessar uma grave depressão. Enviou uma mensagem para os amigos a dizer "adeus".

GNR SUICÍDIO SALVAMENTO RESENDE
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)