Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

GNR vai usar câmaras no corpo durante operações especiais

Força de segurança recebe ainda drones e armas.
Andresa Pereira 26 de Julho de 2019 às 08:57
Militares de operações especiais da GNR vão utilizar câmaras nas fardas
GNR
GNR
Militares de operações especiais da GNR vão utilizar câmaras nas fardas
GNR
GNR
Militares de operações especiais da GNR vão utilizar câmaras nas fardas
GNR
GNR
A GNR deverá receber esta sexta-feira bodycams (câmaras que os militares vão usar nas fardas junto ao corpo) para serem usadas pelas equipas de operações especiais e de manutenção da ordem pública. A Guarda vai ainda receber novos drones e armamento de topo.

Segundo o CM apurou, o uso das bodycams na GNR não vai ser para já generalizado. Apenas as referidas valências vão receber os equipamentos, que servirão para "efeitos de apoio à intervenção policial" - ou seja, podem emitir imagens para auxiliar à tomada de decisões do comandante das operações.

Recorde-se que a PSP também já tem bodycams para os agentes e aguarda ordem para as usar. Num relatório apresentado ao Parlamento, a utilização destas câmaras surge como "de extrema importância".

Na cerimónia prevista para esta sexta-feira, presidida pelo ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, e pelo Comandante-Geral da GNR, tenente-general Botelho Miguel, em Soure (Coimbra), serão ainda entregues pistolas-metralhadoras e espingardas automáticas.

As novas armas, num total de 69, destinam-se à Unidade de Intervenção da GNR e representam "um investimento de cerca de 300 mil euros, no âmbito da Lei de Programação de Infraestruturas e Equipamentos das Forças e Serviços de Segurança".

Além destas armas, vão ser entregues drones à mesma Unidade de Intervenção. Serão depois feitas demonstrações do novo material.

PORMENORES
Mais viaturas
O ministro da Administração Interna entrega também hoje, em Mafra, 38 novas viaturas à GNR. Destinam-se às patrulhas, trânsito, intervenção e investigação criminal. Representam um investimento de cerca de 944 mil euros, no âmbito da Lei de Programação de Infraestruturas e Equipamentos das Forças e Serviços de Segurança.

Três novos postos
Eduardo Cabrita celebra esta sexta-feira contrato com a Câmara de Mafra para a construção dos postos da GNR do Livramento e da Malveira, num investimento total de cerca de 930 mil euros. Também preside à cerimónia de assinatura do auto de consignação da empreitada do posto da GNR de Cucujães, Oliveira de Azeméis. A empreitada representa um investimento de cerca de 520 mil euros.
Unidade de Intervenção da GNR Guarda Serviços de Segurança Eduardo Cabrita Equipamentos das Forças
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)