Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

GPS tira Porsche das mãos de gang

O GPS – com serviço de localização de veículos – que o casal de empresários de Gaia instalou há nove anos salvou, ontem de madrugada, o Porsche que lhes tinha sido roubado horas antes, através do método de carjacking, quando chegavam a casa depois de um jantar. Foi através do sistema de referenciação por satélite que as vítimas, de 51 e 42 anos, conseguiram recuperar a viatura, a 22 quilómetros de distância, numa rua erma de Esmoriz.
10 de Junho de 2009 às 00:30
António Meira, de 51 anos, disse ter conseguido manter a calma durante o assalto
António Meira, de 51 anos, disse ter conseguido manter a calma durante o assalto

O carro de alta cilindrada estava abandonado, na rua Nuno Tristão, mas com as luzes ligadas. "Penso que deixaram ali o automóvel, para ver se alguém dava com ele e para não correrem riscos. Se não o encontrássemos, ficariam com ele", disse ao CM António Meira, o empresário que recuperou a viatura três horas depois do assalto.

Era perto da meia-noite, quando o casal chegou de um jantar a casa, na praceta do Toural, em Gulpilhares, Gaia. Já estava no interior da garagem, quando três jovens armados se acercaram do Porsche.

"Eram três miúdos, muito franzinos, dois estavam armados com pistola e um com uma faca, com pelo menos trinta centímetros. A princípio ainda pensei que fosse o meu filho na brincadeira e meti-me com um deles. Mas estavam muito nervosos", disse António, que afirmou ter conseguido manter a serenidade. "A minha mulher é que reagiu pior. Ficou em pânico e começou a chorar", relembra.

Imediatamente após o assalto, António arrancou no encalço dos assaltantes, até que se lembrou do sistema de segurança do carro. "Voltei para casa, já depois de ter contactado a polícia, para ver onde é que o carro estava", recordou, mostrando ao CM, no seu computador, através do sistema de GPS o percurso feito pelos larápios, em 15 minutos.

"Não tenho dúvidas de que se não fosse o GPS nunca mais via o carro", disse o empresário, que arriscou uma teoria sobre o que motivou assalto. "Acho que há uma organização maior por detrás destes jovens", sintetizou.

ASSALTANTES ROUBARAM BMW NA MAIA

Após o ataque em Gaia, um outro grupo de assaltantes roubou – também pelo método de carjacking – um BMW série 1. Um jovem de 27 anos , residente em Custóias, foi abordado por quatro assaltantes encapuzados e armados com caçadeira, na Via Arnaldo Duarte, ontem às 01h10, quando regressava de uma ida ao cinema. Os jovens ladrões, com idades entre os 20 e 30 anos, que seguiam num Fiat Uno vermelho, atacaram a vítima quando esta saía da viatura para entrar num escritório.

PORMENORES

JOVENS DE PRETO

Segundo a vítima, os ladrões teriam entre 17 e 20 anos, estavam encapuzados e vestiam todos de preto.

MOVIMENTOS SUSPEITOS

Nos últimos dias, o casal de empresários já se tinha apercebido de que havia um grupo de pessoas que andava a rondar a casa.

ERVAS ALTAS

António Meira afirmou que ao entrar na vivenda não se apercebeu dos assaltantes, porque em frente há uma praça, na qual as ervas são altas, tapando a visibilidade.

GPS

Segundo o empresário, o sistema de GPS foi fulcral e gabou-lhe o preço. "Custa cerca de 250 euros e tem uma mensalidade de 11 euros."

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)