Granada e munições encontradas após suspeita de violência doméstica

Homem de 58 anos foi detido, em Lagos.
Por Tiago Griff|18.05.18
O cumprimento de um mandado de detenção por violência doméstica, em Lagos, levou à apreensão de material bélico - incluindo granadas e munições - em casa do homem de 58 anos, suspeito de agredir e ameaçar a mulher, por não aceitar o fim da relação.

A investigação do Ministério Público já durava há algum tempo, mas a operação da PSP de Lagos, que levou a cabo o mandado de detenção, aconteceu esta terça-feira. O alvo foi um homem agora acusado de uma situação de violência doméstica que dura desde março de 2016, depois da mulher - com quem namorou durante 15 anos e casou em 2015 - ter manifestado intenção de se divorciar.

Agrediu, injuriou, ameaçou de morte e perseguiu-a até ao trabalho várias vezes. No seguimento da detenção, os agentes da PSP encontraram, no interior e em anexos da habitação, uma granada, três detonadores explosivos, 46 cartuchos de calibres 12 e outras munições de calibre menor, bem como uma garrafa de gás pimenta. Está ainda acusado de posse de arma proibida. Foi presente a um juiz que lhe decretou prisão preventiva enquanto aguarda julgamento e não pode contactar a mulher.


pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!