Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Grupo rouba sino de igreja e tenta atropelar uma testemunha em Alcobaça

Ladrões atiraram o sino de uma altura de cinco metros.
Francisco Gomes 10 de Setembro de 2021 às 08:08
GNR
GNR FOTO: Sérgio Lemos
Um dos sinos da Igreja de Nossa Senhora da Ajuda, em Vestiaria, no concelho de Alcobaça, foi furtado por um grupo que na fuga tentou atropelar um morador que testemunhou o crime e se preparava para travar os assaltantes.

“Arrancaram a grande velocidade e guinaram contra mim. Tive de me atirar para um jardim e eles entraram quase em despiste e por um bocadinho não bateram contra uma casa”, contou ao CM o habitante, que pediu para não ser identificado.

O grupo, constituído por três ou quatro elementos, subiu à torre da igreja e atirou o sino de uma altura superior a cinco metros, tendo caído no chão com grande estrondo, o que alertou os moradores. O sino foi depois colocado na bagageira do carro.

A igreja, classificada como monumento nacional, tinha dois sinos, tendo os ladrões levado aquele que não estava ligado ao relógio. “A população sente-se insultada”, lamentou Manuel Castelhano, membro do Conselho Económico Paroquial.

“A padroeira não merecia esta atrocidade”, acrescentou António Mineiro, vogal da União de Freguesias de Alcobaça e Vestiaria. A GNR está a investigar o furto.



Ver comentários
C-Studio