Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Guardam droga com arma ‘G3’

'Cocas’, alcunha de um traficante de 43 anos, geria a rede com mão de ferro. A droga que o grupo transaccionava junto a discotecas e casas de alterne era guardada num armazém, na Brandoa, Amadora, vigiado por um homem armado de pistola-metralhadora G3.
18 de Abril de 2012 às 01:00

Há dois anos que a PSP, sob tutela da Unidade Especial de Combate ao Crime Violento do DIAP de Lisboa, investigava este grupo.

"Além de transaccionar cocaína e haxixe junto a discotecas e casas de alterne de Lisboa e arredores, o grupo vendia por encomenda", revelou o subintendente Resende da Silva, da PSP de Lisboa. O oficial admitiu que o gang chegou a ameaçar com armas de fogo. 

A perigosidade do grupo voltou a ficar patente ontem de madrugada. ‘Cocas’, o líder, já com oito anos de cadeia cumpridos por tráfico, tentou atropelar agentes do Grupo de Operações Especiais que o apanharam, em flagrante, a comprar droga na Brandoa a dois homens. Os suspeitos acabaram presos, a que se juntaram outros três. A PSP apreendeu seis armas e 1034 munições. Vinte e oito buscas permitiram, ainda, apreender mais de três quilos de cocaína, 1430 euros e um carro. Os detidos vão hoje a tribunal. 

AMADORA G3 DROGA
Ver comentários