Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Guardas prisionais: Cancelamento da greve depende de resposta do Governo

O Sindicato Nacional do Corpo da Guarda Prisional (SNCGP) vai aguardar até ao final da semana por uma resposta do Governo sobre a questão das horas extraordinárias e do suplemento de turno para decidir se concretizam a greve prevista para os dias 22 e 23.
14 de Dezembro de 2010 às 20:24
guardas prisionais, greve, governo
guardas prisionais, greve, governo FOTO: João Cortesão

No final de uma reunião, hoje, com responsáveis governamentais dos ministérios das Finanças (MF) e da Justiça (MJ), o presidente do SNCGP disse à Lusa que o ficou decidido foi o MJ responder até ao final da semana sobre aquelas duas reivindicações, estando ainda previsto a criação de um grupo de trabalho para iniciar a negociação sobre os estatutos da guarda prisional.

Entretanto, o SNCGP tem marcada para o início da próxima semana uma reunião dos corpos gerentes para analisar a resposta do MJ e decidir se mantém ou desconvoca a greve nos dias 22 e 23.

Os guardas prisionais querem a aprovação de um novo estatuto, estão contra o congelamento na progressão de escalões profissionais e exigem o pagamento de subsídios.

guardas prisionais greve governo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)