Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Helicóptero fez duas descargas antes de se despenhar

Aeronave da Everjets embateu em linhas de alta tensão.
20 de Agosto de 2017 às 17:00
Eurocopter AS350 Ecureuil pertencente à Everjets
Local onde caiu o helicóptero
Eurocopter AS350 Ecureuil pertencente à Everjets
Local onde caiu o helicóptero
Eurocopter AS350 Ecureuil pertencente à Everjets
Local onde caiu o helicóptero
O helicóptero que este domingo se desempenhou em Cabril, Castro Daire, foi chamado para o dispositivo de combate a incêndios às 11h45, tendo feito duas descargas de água antes do acidente que ocorreu às 12h25, informou a Proteção Civil.

Estas informações foram prestadas pelo comandante nacional da Proteção Civil, Rui Esteves, numa declaração aos jornalistas, sem direito a perguntas.

O responsável adiantou que o helicóptero da Everjets embateu em linhas de alta tensão, incendiou-se ao bater no solo, provocando a morte do piloto que, desde 2013, integrava este tipo de missões.

Cabril Castro Daire Rui Esteves Everjets Proteção Civil questões sociais morte
Ver comentários