Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Homem ameaça ex-mulher com faca para a violar

PJ prende homem de 58 anos por invadir casa da vítima três vezes.
Miguel Curado 9 de Agosto de 2019 às 08:59
Polícia Judiciária
Polícia Judiciária
Polícia Judiciária
Polícia Judiciária
Polícia Judiciária
Polícia Judiciária
A Polícia Judiciária de Setúbal prendeu um homem de 58 anos que, inconformado com o facto de a ex-mulher ter saído de casa por ser vítima de agressões, lhe invadiu a nova residência em três ocasiões distintas. A mulher chegou a ser ameaçada de morte com uma faca e foi violada.

Trabalhador da construção civil, desempregado e consumidor frequente de álcool, o detido foi alvo de várias queixas que a vítima apresentou no posto da GNR da área de residência, Pinhal Novo, concelho de Palmela, durante o período em que durou o casamento. A mulher de 60 anos viria a sair de casa no final do ano passado e, já em fevereiro deste ano, o antigo companheiro, depois de saber onde a ‘ex’ estava a residir, invadiu-lhe a casa.

Ameaçada com uma faca, a mulher não apresentou resistência. Numa das três ocasiões em que o agressor forçou a entrada da casa da antiga companheira – que ocorreram com poucos dias de diferença – o homem violou-a. A GNR do Pinhal Novo recebeu as queixas de violência doméstica e violação de domicílio, e passou a investigação do crime de violação para a Polícia Judiciária de Setúbal.

Os inspetores passaram os últimos seis meses a procurar o trabalhador da construção civil. O mesmo mudou constantemente de residência, até ser detido na passada terça-feira, no Pinhal Novo. Presente ao Tribunal de Setúbal e ouvido em primeiro interrogatório por um juiz ficou sujeito a prisão domiciliária, vigiado através de uma pulseira eletrónica.
Polícia Judiciária de Setúbal GNR Pinhal Novo crime lei e justiça polícia tribunal questões sociais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)