Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Homem ateia incêndio para vingar assalto e acaba detido na Amadora

Suspeito tentava vingar-se do facto de ter sido assaltado e lhe terem sido roubados cerca de 300 euros.
13 de Fevereiro de 2019 às 12:30
Detenção
Algemas
Detenção
Algemas
Detenção
Algemas
Um homem de 29 anos foi detido esta quarta-feira na Amadora por fortes indícios de prática dolosa de crime de incêndio.

Os factos remontam a dia 9 de fevereiro, quando o presumível autor ateou fogo a papéis e roupa velha numas instalações fabris onde sobrevivem e pernoitam várias pessoas com hábitos de dependências.

O suspeito tentava vingar-se do facto de ter sido assaltado e lhe terem sido roubados cerca de 300 euros, supostamente por algumas daquelas pessoas que residem onde alegadamente ateou o incêndio.

A intervenção dos bombeiros acabou por impedir a morte de uma vítima intoxicada por inalação de fumos.

O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial, ficando sujeito à medida de coação processual de obrigação de permanência na habitação, com pulseira eletrónica.
Amadora crime lei e justiça crime fogo posto polícia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)