Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Homem condenado a 20 anos de prisão por ter assassinado a mulher nas Caldas da Rainha

Crime aconteceu em novembro de 2017.
Lusa 11 de Julho de 2018 às 15:46
Homem algemado
Carro da PSP
PSP
Homem algemado
Carro da PSP
PSP
Homem algemado
Carro da PSP
PSP

O autor confesso da morte da mulher, em novembro de 2017, no concelho de Caldas da Rainha, foi esta quarta-feira condenado a 20 anos de prisão no Tribunal Judicial de Leiria.

"O senhor vai condenado na pena de 20 anos de prisão: homicídio qualificado é o crime mais grave que existe no nosso ordenamento jurídico-penal, punido até 25 anos. Vinte anos é uma pena já muito considerada", afirmou o juiz-presidente do Tribunal, no final da leitura do acórdão.

Dirigindo-se ao arguido, o magistrado judicial disse esperar que "aproveite o melhor possível esse tempo", referindo, ainda, que, "para aquilo que fez, certamente não esperaria" outra decisão.

Tribunal Judicial de Leiria Caldas da Rainha homicídio
Ver comentários