Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Homem morre afogado em frente à irmã no Gerês

José Carvalho, de 34 anos, não sabia nadar. Arriscou ir à água.
Fátima Vilaça 26 de Agosto de 2020 às 08:27
Homem morre afogado em frente à irmã no Gerês
Homem morre afogado em frente à irmã no Gerês FOTO: CMTV
José Carvalho, de 34 anos, não sabia nadar, mas arriscou um banho na praia de Ipanema, esta terça-feira à tarde, na albufeira da Caniçada, em Vilar da Veiga, no Gerês.

Em poucos minutos, afundou-se na água, perante o desespero da irmã e do cunhado, com quem passava férias. O corpo do homem, natural de Vila do Conde, foi retirado às 15h45, cerca de uma hora e meia após desaparecer.

“Mobilizámos os primeiros meios às 14h29 e, quando chegámos, verificámos que a vítima estava desaparecida. Foi necessário acionar equipas de mergulho e a primeira a entrar, às 15h40, encontrou de imediato o corpo”, explicou ao Correio da Manhã Lino Oliveira, segundo comandante dos Bombeiros Voluntários de Terras de Bouro.

O cadáver de José Carvalho foi localizado a menos de dez metros da margem e a cinco metros de profundidade. Foi retirado por elementos dos bombeiros e levado para o Gabinete Médico Legal e Forense de Braga, onde será autopsiado.

José Carvalho, que era solteiro, estava acompanhado pela irmã. A jovem ficou em estado de choque e recebeu apoio da equipa de psicólogos do INEM. À primeira equipa de socorro que chegou ao local, da Cruz Vermelha de Rio Caldo, a familiar da vítima descreveu que tudo aconteceu “rapidamente”. Sublinhou também que o irmão não sabia nadar.

Os acidentes têm-se repetido no Gerês neste verão e o segundo comandante dos bombeiros reforça a necessidade de os veraneantes serem sempre muito “cautelosos”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)