Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Homem que matou companheiro condenado a 16 anos

O Tribunal de Valença condenou, esta segunda-feira, a 16 anos de prisão um homem que matou a pontapé e à vassourada o seu alegado companheiro, um crime passional ocorrido em Agosto de 2010, em Arão, naquele concelho.
30 de Maio de 2011 às 20:43
Descontente com estas ameaças e no calor de uma discussão, o arguido matou o companheiro, a pontapé e com o cabo de uma vassoura
Descontente com estas ameaças e no calor de uma discussão, o arguido matou o companheiro, a pontapé e com o cabo de uma vassoura FOTO: Fátima Vilaça

O colectivo de juízes imputou ao arguido, de 44 anos, o crime de homicídio qualificado, que tem uma moldura penal que pode chegar aos 25 anos de prisão. A vítima tinha 63 anos.  

Na altura da detenção do arguido, a Polícia Judiciária (PJ), através do Departamento de Investigação Criminal de Braga, sublinhava, em comunicado, que a vítima fora "brutalmente" pontapeada e espancada até à morte "com um cabo de madeira".  

A PJ adiantava ainda que na origem dos acontecimentos poderiam estar "motivos passionais".  

O crime registou-se a 3 de Agosto de 2010, na casa onde vivia o arguido. 

A vítima não aceitaria que o companheiro tivesse outros amigos e terá ameaçado divulgar publicamente a relação homossexual que manteriam, caso as "infidelidades" continuassem.  

Descontente com estas ameaças e no calor de uma discussão, o arguido matou o companheiro, a pontapé e com o cabo de uma vassoura.  

Entregou-se às autoridades no mesmo dia, confessou o crime e foi presente a tribunal, que lhe aplicou prisão preventiva.  

vassourada valença gay homicídio pancada crime morte óbito viana do castelo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)