Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Homem que matou e cimentou corpo na Madeira em prisão preventiva

Crime terá ocorrido na passada quinta-feira mas a vítima apenas foi descoberta no passado sábado.
11 de Junho de 2018 às 16:56
Corpo cimentado em parede de casa
Corpo cimentado em parede de casa
Corpo cimentado em parede de casa
O suspeito de ter matado o cunhado e posteriormente cimentado o corpo da vítima na Madeira ficou, esta segunda-feira, em prisão preventiva. O crime terá ocorrido na passada quinta-feira mas a vítima apenas foi descoberta no passado sábado. 

O homem dado como desaparecido há três semanas foi encontrado morto um beco da Rua Arcebispo D. Aires, no Funchal.

O cunhado da vítima, de 47 anos, foi detido pela PSP, suspeito de ser o autor do crime cometido ainda por razões desconhecidas.

Segundo apurou o Correio da Manhã, o corpo da vítima foi cimentando numa das paredes da casa onde ambos viviam. Ao local acorreram elementos dos bombeiros para procederem à remoção do cadáver.

O alerta foi dado por populares, que descobriram um colchão encharcado em sangue.

O homicídio está a ser investigado pela Polícia Judiciária. 
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)