Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Homem suspeito de violação fica em preventiva

O Tribunal Judicial de Loulé decretou esta sexta-feira a prisão preventiva para um homem suspeito de ter violado uma mulher na quarta-feira passada em Loulé, disse à Lusa fonte judicial. O homem, de 26 anos, detido pela Polícia Judiciária (PJ) de Faro, é o presumível autor de um crime de violação de uma mulher de 38 anos, a quem manietou no interior de uma casa, naquele concelho do Algarve.
30 de Novembro de 2012 às 17:21

Segundo fonte policial, o detido, trabalhador na construção civil, terá, alegadamente, consumado a violação ao início da tarde da passada quarta-feira, no interior da habitação que "dividia com a vítima e o companheiro desta", há cerca de dois anos, na cidade de Loulé.

A mesma fonte acrescentou que "a senhora estaria a descansar, quando foi surpreendida pelo individuo, tendo sido incapaz de se defender e evitar a alegada violação". O homem foi detido pela Polícia Judiciária de Faro em colaboração com a Guarda Nacional Republicana de Loulé. O suspeito foi ouvido hoje em primeiro interrogatório judicial no Tribunal de Loulé, tendo-lhe sido aplicada a prisão preventiva como medida de coacção.

VIOLAÇÃO DETIDO PJ PRISÃO PREVENTIVA
Ver comentários