Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Hospital de Beja esteve sem urgência de Obstetrícia e Ginecologia

Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo justifica este cenário com a falta de médicos da especialidade de Obstetrícia.
António Lúcio 14 de Agosto de 2019 às 18:02
Hospital de Beja sem serviço de Ginecologia/Obstetrícia
Hospital de Beja sem serviço de Ginecologia/Obstetrícia FOTO: Luís Guerreiro

O Hospital José Joaquim Fernandes, em Beja, esteve sem Urgência de Obstetrícia e Ginecologia desde as 06h00 da manhã da última terça-feira até às 08h00 da manhã desta quarta-feira.

A Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo justifica este cenário com a falta de médicos da especialidade de Obstetrícia para o preenchimento da escala.

Nestas situações, as parturientes que não estão em caso de urgência, ou seja, com critérios clínicos que o permitam, são transferidas para outras unidades de saúde.

Segundo a Administração do hospital, a Urgência interna da especialidade está assegurada, assim como estará assegurado por equipa médico-cirúrgica de serviço, o atendimento emergente.

Na terça-feira, cinco gravidas apresentaram-se no Hospital de Beja e foram reencaminhadas para o Hospital do Espírito Santo, em Évora, que fica a cerca de 80 quilómetros. Algumas foram obrigadas a deslocar-se em carro próprio.

Beja Urgência de Obstetrícia Hospital José Joaquim Fernandes Ginecologia Hospital de Beja saúde hospitais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)