Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Idoso detido por agredir mulher durante 56 anos

Homem com quase 90 anos detido por agressões físicas e psicológicas, em Sintra.
João Tavares 21 de Setembro de 2019 às 09:51
A carregar o vídeo ...
Homem com quase 90 anos detido por agressões físicas e psicológicas, em Sintra.
Casaram-se em 1963, mas desde cedo que a relação amorosa foi marcada pelos maus-tratos psicológicos. Já este ano, o idoso, apesar de ter quase 90 anos, agrediu a mulher. Foi agora detido pela PSP na zona de Sintra. Já em Loures, um outro homem foi também intercetado pelo crime de violência doméstica sobre a ‘ex’.

A determinada altura da relação, este pegou na mulher grávida ao colo e atirou-a contra o chão. Os dois detidos foram presentes a um juiz na quarta-feira e saíram em liberdade. Nenhum deles pode aproximar-se ou contactar as vítimas.

Segundo a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa, o idoso, ao longo dos 56 anos de casamento, "ofendeu a vítima, sua mulher, verbalmente, tendo-a, agredido fisicamente, no corrente ano". A proibição de contactos deve-se ao "perigo de perturbação da ordem e tranquilidade pública e continuação da atividade criminosa".

No caso de Loures, o homem foi casado com a mulher durante quatro anos, relação da qual nasceram dois filhos, hoje com três anos e cinco meses de idade. A relação foi marcada por agressões que continuaram mesmo após a separação, algumas delas presenciadas pelos filhos.

O episódio mais grave aconteceu quando o homem pegou na mulher grávida e atirou-a ao chão. Tudo porque não gostou que esta tivesse recebido um telefonema da cunhada. "Já após a separação o arguido ameaçou de morte a mãe da ofendida", lê-se na página na internet da Procuradoria-Geral de Lisboa.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)