Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Imagens exclusivas mostram provas recolhidas em casa das gémeas Cupertino

Irmãs mataram bebé à nascença. Imagens a que a CMTV teve acesso mostram um cenário de horror.
26 de Março de 2019 às 22:09
A carregar o vídeo ...
Irmãs mataram bebé à nascença. Imagens a que a CMTV teve acesso mostram um cenário de horror.
Rafaela – a mãe da criança - tinha uma ideia fixa na cabeça: livrar-se imediatamente da bebé a qualquer custo. As gémeas Cupertino tomam a decisão de matar a criança logo à nascença. E decidem fazê-lo à facada.

Rafaela e Inês mataram a bebé com uma faca de cozinha de 19 centímetros de comprimento. A arma foi lavada e depois recolhida pela PJ.

A "Investigação CM" mostra em exclusivo as provas recolhidas pelos elementos da PJ de Setúbal chamados local do crime, a residência no seixal das irmãs gémeas Cupertino. Uma faca com cabo de plástico, com 19,5 de lâmina usada por Rafaela para esfaquear a filha recém-nascida por três vezes no peito e uma linha preta usada por Inês para suturar a vagina da irmã após o parto, feito na casa de banho da residência.

Além disso, foram ainda recolhidos um saco do lixo azul, com alças amarelas, onde as irmãs colocaram o cadáver da bebé e a placenta e um saco de compras de maiores dimensões onde, algum tempo depois do crime, Inês acondicionou o saco do lixo com o corpo da sobrinha.

Os vestígios hemáticos também não deixaram dúvidas. Manchas de sangue dentro e fora da banheira.

As imagens a que a CMTV teve acesso mostram um cenário de horror.
CMTV Rafaela Cupertino Inês PJ Setúbal Investigação crime lei e justiça questões sociais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)