Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Imolou-se pelo fogo no centro de Odivelas

Um homem imolou-se ontem pelo fogo, no centro de Odivelas. A vítima encontra-se internada no Hospital de São José, em Lisboa, com queimaduras graves em todo o corpo.
10 de Março de 2005 às 00:00
O indivíduo, com cerca de 40 anos, é funcionário autárquico no concelho de Odivelas. Fontes policiais referiram ao CM que ele escolheu uma zona da cidade, onde abundam os estaleiros de construção civil, nas imediações do Campo Arnaldo Dias e do Cemitério Municipal, para tentar o suicídio.
Tudo aconteceu pouco depois das 05h00 de terça-feira. “Ele encheu um recipiente com gasolina e regou todo o corpo. Depois pegou num isqueiro e incendiou-se. Desconhecem-se ainda os motivos pelos quais ele fez isto”, explicou ao nosso jornal um dos responsáveis policiais contactados.
De imediato, todo o corpo do indivíduo começou a arder, criando uma autêntica tocha humana. Alguns populares que passaram na zona chamaram de imediato os bombeiros de Odivelas, que se encarregaram de apagar o incêndio.
O indivíduo sobreviveu à tentativa de suicídio. No entanto, a gravidade dos ferimentos sofridos obrigou a que, de imediato, fosse transportado ao Hospital de Santa Maria.
“O ferido deu entrada pelas 05h15 em Santa Maria. A extensão das queimaduras que tinha, alargadas a todo o corpo, obrigou no entanto a que fosse transferido para o Hospital de São José”, especificou outra fonte policial.
Submetida a várias intervenções cirúrgicas, a vítima mantinha-se, ao início da noite de ontem, internada no Hospital de São José.
A PSP de Odivelas já está a investigar o caso. Os agentes deslocaram-se, na manhã de ontem, ao prédio onde reside o indivíduo, onde tentaram encontrar respostas para o sucedido.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)