Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Incêndio em habitação mata idoso de 80 anos

Guilherme Silva morava sozinho. Vizinhos tentaram ajudar, mas nada foi possível.
Patrícia Lima Leitão 23 de Dezembro de 2018 às 09:53
Guilherme Silva residia sozinho
Casa ficou completamente destruída na sequência do incêndio de ontem
Guilherme Silva residia sozinho
Casa ficou completamente destruída na sequência do incêndio de ontem
Guilherme Silva residia sozinho
Casa ficou completamente destruída na sequência do incêndio de ontem
Guilherme Silva, de 80 anos, morreu num incêndio que deflagrou no interior da própria casa, na qual morava sozinho, na rua de Paredes, em Ventosa, Vieira do Minho, ao início da tarde deste sábado. A habitação ficou totalmente destruída. Dois cães conseguiram sobreviver.

Os vizinhos aperceberam-se do fumo e da queda de telhas. Garantem ter ouvido uma explosão. "Quando vi que a casa dele estava a arder, fui a correr pedir socorro ao lar da freguesia. Já não foi possível fazer nada. Pelo caminho, ainda ouvi uma explosão", referiu Maria Alice Sousa, testemunha.

O corpo da vítima foi encontrado carbonizado na sala pelos Bombeiros de Vieira do Minho, já depois de o incêndio estar dominado. Os vizinhos acreditam que uma lareira poderá ter estado na origem do fogo. "Ele aquecia-se só com a lareira, na sala. Só pode ter sido aí que começou. Ainda se conseguia movimentar sozinho e costumava ir ao café, pelo que não sei porque é que não conseguiu escapar", referiu a mesma testemunha. A Polícia Judiciária esteve no local e está a apurar as circunstâncias.

No local marcaram presença o pároco de Ventosa, José da Silva Alves, o presidente da Câmara Municipal, António Cardoso Barbosa, e o líder da Junta de Freguesia, Manuel Silva. "Soube da tragédia e não pude deixar de vir até aqui", explicou ao CM Manuel Silva.

Guilherme deixa dois filhos e ainda netos. A mulher da vítima encontra-se a viver num lar.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)