Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Incêndio na cadeia de Coimbra começou em cela

Três guardas prisionais assistidos devido à inalação de fumos e um recluso foi hospitalizado com queimaduras.
8 de Março de 2017 às 21:57
A carregar o vídeo ...
Guardas prisionais assistidos devido à inalação de fumos.

Um incêndio deflagrou na noite desta quarta-feira no Estabelecimento Prisional de Coimbra. O fogo já está extinto e teve início numa cela quando um recluso, fechado no setor disciplinar devido a ameaças aos guardas prisionais durante a tarde, pegou fogo a um colchão. A rápida intervenção dos bombeiros impediu que as chamas se propagassem.

Três guardas foram assistidos devido à inalação de fumos e um recluso foi hospitalizado com queimaduras. Pelo menos duas ambulâncias saíram do estabelecimento prisional com destino aos Hospitais da Universidade de Coimbra. 

O alerta foi dado às 20h55 e o incêndio foi extinto pelas 21h25.

No local estiveram quatro corporações de bombeiros a ventilar a zona onde deflagrou o fogo.

A PSP e uma viatura médica do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) também foram chamados a esta ocorrência. 

A prisão de Coimbra é de segurança alta e tem atualmente 512 reclusos.

incêndio fogo Estabelecimento Prisional de Coimbra Coimbra prisão
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)