Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Infarmed avisa diabéticos

Os diabéticos que tomam os medicamentos retirados do mercado Euglucon e Semi-Euglucon não devem parar de os consumir até se aconselharem com os seus médicos, para evitar risco de descompensação, alertou a Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed).
21 de Agosto de 2007 às 00:00
Remédios foram retirados
Remédios foram retirados FOTO: Natália Ferraz
A entidade reguladora indicou que a decisão de retirar do mercado os medicamentos comercializados pela Roche se deveu à detecção de dois parâmetros fora das especificações: grau de dureza e presença de uma impureza, a sulfonamida, que quando em altas doses pode estar associada a reacções adversas e interacções medicamentosas.
Segundo o Infarmed, nas doses terapêuticas habitualmente utilizadas não há risco de efeitos secundários. “O risco de descompensação metabólica [descompensação da diabetes] por paragem abrupta deste medicamento é considerado mais perigoso para a saúde dos doentes”, lê-se num apelo aos pacientes para recorrerem a médicos para que seja feita a substituição do medicamento por outro com a mesma substância activa ou outra apropriada ao seu caso individual.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)