Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Isilda Gomes pode ser governadora civil

Apesar de não ter sido uma escolha consensual entre os socialistas algarvios, Isilda Gomes, actual directora regional do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), poderá ser a primeira mulher governadora civil de Faro, sucedendo a António Pina, candidato à presidência da RTA, que deverá renunciar ao cargo em breve.
23 de Maio de 2007 às 00:00
Isilda Gomes
Isilda Gomes FOTO: d.r.
Aquela socialista que, contactada pelo CM, não confirmou a abordagem que terá sido feita pelo presidente do PS Algarve, Miguel Freitas, no sentido de poder vir a ocupar o cargo, admitiu, no entanto, que seria “um desafio interessante”.
Ainda assim, a última palavra pertence ao Governo, que só deverá fazer o convite depois de António Pina pedir a exoneração.
Um nome que chegou a ser falado foi o de Adriano Pimpão, ex-Reitor da Universidade do Algarve, que terá recusado alegando motivos pessoais e profissionais. Também se falou do presidente da Câmara de Portimão, Manuel da Luz (nome mais consensual no PS), e de Vítor Neto, presidente do NERA, que disse ao CM “desconhecer o assunto”.
O ex-presidente da Câmara de Loulé, Vítor Aleixo, poderá vir a suceder a Isilda Gomes no IEFP.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)