Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Jovem condenada por burlas continuava a fazer vítimas

Mulher foi detida no domingo, em Abrantes, no âmbito de uma investigação por dezenas de burlas informáticas.
Sérgio A. Vitorino 10 de Maio de 2022 às 09:16
A carregar o vídeo ...
Jovem condenada por burlas continuava a fazer vítimas
Uma mulher, de 23 anos, condenada em 2021 a cinco anos de cadeia por burlas a 37 vítimas, continuou no crime - ‘vendia’ artigos e apartamentos que não eram seus - e foi agora novamente detida pela Divisão de Investigação Criminal da Polícia de Segurança Pública de Lisboa.

Segundo divulgou esta segunda-feira a Polícia, a mulher foi detida no domingo, em Abrantes, no âmbito de uma investigação por dezenas de burlas informáticas. A burlona atacava em plataformas de venda online.

“O seu modo de atuação traduzia-se na criação de anúncios de venda de produtos ou de imóveis para arrendamento, que a detida não possuía, e que nunca chegavam às mãos dos interessados (vítimas)”, explica a PSP.

A investigação dos operacionais da PSP foi coordenada pela 3ª secção do Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa, do Ministério Público. Foi um procurador quem emitiu o mandado de detenção com que a burlona foi apanhada em Abrantes.

Presente a tribunal, para primeiro interrogatório de arguido detido, foi-lhe aplicada a medida de coação de prisão preventiva.
Ver comentários