Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Jovem condenado a internamento por abuso sexual

Um jovem de 15 anos foi condenado pelo Tribunal de Almada a 18 meses de internamento em regime semiaberto pela prática de um crime de abuso sexual contra duas crianças, informou esta segunda-feira a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL).
5 de Novembro de 2012 às 21:01
Tribunal de Almada
Tribunal de Almada FOTO: Sérgio Lemos

Segundo informação disponibilizada no site da PGDL na Internet, o jovem foi condenado por abuso sexual de dois menores, de 11 e sete anos de idade, e ainda por um crime de ameaça agravado, tendo os factos ocorrido a 18 de Março deste ano.

"A progenitora dos menores ofendidos e os menores foram ouvidos e, a requerimento do Ministério Público, foi aplicada ao menor infractor a medida cautelar de guarda em centro educativo, em regime semiaberto", refere a nota.

O Ministério Público solicitou a aplicação de medida de 18 meses de internamento em regime semiaberto, após conclusão das perícias solicitadas ao Instituto de Medicina Legal.

"O acórdão, já transitado em julgado, considerou provados todos os factos constantes do requerimento de abertura de fase jurisdicional e aplicou ao menor a medida tutelar requerida pelo Ministério Público", informa a PGDL.

adolescente tribunal almada abuso sexual menor ministério público
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)