Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Jovem que atropelou mulher diz que não se lembra

O jovem que furtou um camião e atropelou mortalmente uma mulher há um ano na cidade de Lagos, Algarve, disse esta quinta-feira ao Tribunal de Lagos que não se lembra dos seus actos.
21 de Janeiro de 2010 às 15:19
João Soares Martins causou pânico ao conduzir, sem carta e a alta velocidade, o camião que tinha furtado
João Soares Martins causou pânico ao conduzir, sem carta e a alta velocidade, o camião que tinha furtado FOTO: Nuno Eugénio

O caso remonta a Janeiro de 2009, quando o arguido furtou um camião de uma empresa, num estaleiro de construção civil, percorrendo várias ruas da cidade de Lagos, em alta velocidade, abalroando tudo à sua passagem. 

De acordo com a agência Lusa, durante a primeira sessão do julgamento foram ouvidas durante a manhã nove das 20 testemunhas arroladas no processo.  O arguido, de 22 anos, está acusado pelo Ministério Público de 19 crimes, entre os quais homicídio, furto, danos e de condução sem habilitação.  

João Soares Martins disse não saber o que lhe deu "para pegar no camião e conduzir pelas ruas da cidade de Lagos" em tronco nu, horas depois de ter entrado ao serviço num estaleiro de construção onde manobrava uma máquina. 

Questionado pela juíza Alda Casimiro, que preside ao colectivo de juízes, se tinha bebido ou ingerido algum medicamento, o arguido negou, explicando que não bebeu nada que justificasse a falta de memória e a sua atitude. 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)