Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Jovem violada durante assalto

'Maria’, nome fictício, dirigia--se para casa, por volta das 20h00, após um dia de trabalho numa loja em Guimarães. Mas junto ao estádio de futebol o pior aconteceu: a jovem de 19 anos foi roubada, arrastada para um local ermo, ameaçada com uma faca e violada por um rapaz que actuou de cara descoberta.
28 de Abril de 2010 às 00:30
A jovem não teve hipótese de reagir face à violência
A jovem não teve hipótese de reagir face à violência FOTO: Natália Ferraz

O caso remonta a meados de Janeiro deste ano. Ontem, após meses de investigação, a Polícia Judiciária de Braga conseguiu identificar o violador, um ajudante de mecânico da mesma idade da vítima. O detido foi presente a Tribunal de Guimarães onde foi ouvido em primeiro interrogatório. O magistrado decidiu que ficaria em prisão preventiva.

O crime aconteceu ao início da noite. O violador aproveitou--se do facto de já estar a escurecer e de ‘Maria’ seguir para casa por um caminho isolado e onde raramente passam pessoas. Durante alguns metros, o ajudante de mecânico seguiu a jovem, aproveitando a zona próxima do estádio de Guimarães para consumar os seus intentos. Sem a vítima dar conta, o ladrão aproximou-se, apontou-lhe uma faca e levou-a à força para um local escondido.

‘Maria’ tentou reagir, mas o assaltante agrediu-a por várias vezes e obrigou-a a permanecer quieta e em silêncio. Consumada a violação, o jovem roubou o telemóvel e o pouco dinheiro que a vítima trazia consigo.

De seguida, o ajudante de mecânico colocou-se em fuga, deixando ‘Maria’ deitada no chão a suplicar por ajuda.

A rapariga acabou por conseguir-se levantar e começou a caminhar até encontrar populares a quem pediu ajuda. A jovem foi encaminhada ao hospital onde realizou diversos exames que confirmaram a violação.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)