Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Jovens espalham terror em Mosteirô

Os assaltos a residências e pessoas que, nos últimos meses, se têm sucedido na pacata freguesia de Mosteirô, em Santa Maria da Feira, estão a deixar os moradores assustados.
6 de Agosto de 2011 às 00:30
Moradores estão assustados com os constantes assaltos na freguesia de Mosteirô
Moradores estão assustados com os constantes assaltos na freguesia de Mosteirô FOTO: Francisco Manuel

Os responsáveis, dizem os moradores locais, são um grupo de jovens vizinhos que na última quinta-feira foi identificado pelo Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da GNR, depois de, no dia anterior, ter assaltado uma casa de um idoso e roubado uma caçadeira que viria a ser recuperada na casa de um dos assaltantes. "À noite já estavam soltos e ainda se riam. Diziam que ninguém os prendia", conta um vizinho.

Este último assalto foi perpetrado depois de uma tentativa falhada na semana anterior, por causa da intervenção de um grupo de reformados. "A cunhada do proprietário avisou-nos que estavam a assaltar a casa e nós corremos para tentar prender os ladrões. Dessa vez, conseguiram fugir", contou ao CM Manuel Queirós.

O grupo de quatro jovens – de 16, 17, 19 e 21 anos – reside nas proximidades e é conhecido. "Há cerca de seis meses assaltaram uma moradia e foram apanhados por vizinhos que os entregaram à GNR, mas foram logo soltos", lamenta Alfredo Santos. "Quando saímos de casa nunca sabemos se não nos irão roubar, e o que mais nos indigna é que a lei parece protegê-los", acrescenta José Silva. "A freguesia sempre foi pacata, mas desde que este grupinho se formou ninguém tem sossego", continua José Coelho, pedindo a intervenção das autoridades.

JOVENS ASSALTOS MOSTEIRÔ SANTA MARIA DA FEIRA
Ver comentários