Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Jovens padres combatem desertificação

Um dos mais graves problemas das populações da serra do Nor-deste algarvio é a desertificação. A Igreja do Algarve tem procurado combater esse flagelo enviando para essas zonas serranas alguns dos seus mais novos sacerdotes.

26 de Maio de 2009 às 00:30
Igreja de Cachopo foi recuperada
Igreja de Cachopo foi recuperada FOTO: d.r.

É o caso do padre Flávio Martins, ordenado em Maio de 2008, que se ocupa das paróquias de Cachopo (Tavira), Martim Longo e Vaqueiros (Alcoutim).

"Tem sido uma experiência gratificante, apesar de reconhecer que se trata de uma missão difícil num território em que a população está muito envelhecida", afirma o pároco, que se mostra empenhado em lutar contra a desertificação.

"Quando quase todos os serviços fecharam, como as farmácias, correios, finanças, terá de ser a presença da Igreja, de uma forma activa, a dinamizar a comunidade", explica o padre Flávio Martins.

Apesar de os fiéis serem, na sua grande maioria, idosos, o pároco de Cachopo, Martim Longo e Vaqueiros procura criar interesses, igualmente, para os mais jovens.

"Muitos deles trabalham junto ao Litoral e visitam as casas dos pais apenas ao fim-de-semana, pelo que procuramos atraí-los para as actividades religiosas", afirma o pároco, satisfeito com a recuperação que tem sido efectuada nas igrejas de que é titular, o que torna mais fácil e atraente o seu trabalho pastoral.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)