Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Julgado por fugir à PSP em carros roubados

Marco 'Pia' responde por furto qualificado e por conduzir viaturas sem carta de condução.
8 de Abril de 2018 às 10:00
Tribunal de São João Novo
Tribunal de São João Novo
Tribunal de São João Novo
Tribunal de São João Novo
Tribunal de São João Novo
Tribunal de São João Novo
Condenado em fevereiro a seis anos e meio de prisão por assaltos a estabelecimentos na zona Norte, Marco Guedes, conhecido por 'Pia', está novamente a ser julgado no Tribunal de S. João Novo, Porto, por roubar carros e fugir à PSP.

O método usado pelo arguido de 23 anos, que não tem carta de condução, era sempre o mesmo. Durante mais de um ano, escolheu viaturas estacionadas em ruas isoladas, partia um vidro das mesmas e, com um objeto desconhecido, ligava a ignição e fugia.

Em pelo menos dois dos ataques, e de acordo com o processo consultado pelo CM, Marco 'Pia' apercebeu-se da presença de carros-patrulha da PSP nas imediações do local onde cometeu o roubo, mas conseguiu sempre despistar os agentes, fugindo a alta velocidade. Foi o que aconteceu em março e em julho de 2015, nas imediações do bairro do Cerco, onde residia antes de ser preso.

Noutra situação, em agosto de 2016, roubou um carro parado na rua Abraços, também no Porto. Conduziu-o durante seis dias sem ser apanhado. Apropriou-se ainda de dois capacetes, no valor de 500 e 99 euros, e do rádio do veículo.

No início do julgamento, Marco 'Pia' não quis falar ao coletivo de juízes. Responde por furto qualificado e condução sem carta. Recorde-se que Marco 'Pia' conduzia o carro em que morreu André 'Pika', de apenas 16 anos, baleado por um agente da PSP durante uma perseguição policial, após terem assaltado um café.
Norte Marco Guedes Porto Tribunal de S. João Novo PSP Cerco rua Abraços crime lei e justiça julgamentos crime
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)