Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Julgados por tortura a devedor

O juiz Carlo Alexandre manteve intocável a acusação contra cinco arguidos pelo sequestro e mutilação do escocês James Ross, ocorrida em Outubro de 2010. Assim, os cinco arguidos irão responder, no Tribunal de Loulé, pelos crimes de homicídio qualificado tentado, sequestro, roubo, ofensa à integridade física, violação, associação criminosa.
21 de Janeiro de 2012 às 01:00
James Ross aproveitou uma desatenção dos raptores para escapar do cativeiro
James Ross aproveitou uma desatenção dos raptores para escapar do cativeiro

Steven Johnson, Calum Macleod, Terence Mcgurk e William Quinn vão ainda ser julgados por tráfico de droga agravado. Recorde-se que James Ross veio ao Algarve para pagar uma dívida aos arguidos. Foi-lhe dito que iria trabalhar na maior plantação de canábis da Europa, em Sarilhos Grandes, Montijo mas, ao invés, foi levado para Boliqueime, Loulé. Aqui, durante 13 dias, foi queimado, sodomizado, espancado e até amputado dos dedos.

Os raptores queriam matar James Ross e atirar o corpo, com uma tampa de bombagem de água atada à cintura, para as águas da Barragem de Santa Clara, no Alentejo. Só a intervenção da PJ salvou a vida ao escocês.

DEVEDOR TORTURA SEQUESTRO ROUBO
Ver comentários