Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Ladrões corridos a tiros de revólver

Há oito anos, de revólver na mão, Luís Candeias correu com um gang que tentou assaltar a sua farmácia, em Coina, Barreiro. Terça-feira o mesmo revólver serviu para disparar quatro tiros contra os homens que lhe apareceram no estabelecimento e lhe roubaram a caixa registadora. Não os apanhou, mas recuperou aquilo que era seu.
11 de Março de 2005 às 00:00
Três encapuzados e armados entraram na farmácia. O quarto assaltante esperou no carro
Três encapuzados e armados entraram na farmácia. O quarto assaltante esperou no carro FOTO: Natália Ferraz
Faltavam vinte minutos para fechar as portas da Farmácia ‘Candeias’. Eram 19h40. A empregada da limpeza limpava uma prateleira e Luís, o proprietário, a sua mulher e outra empregada trabalhavam nos gabinetes do estabelecimento, situados nas traseiras do balcão de atendimento.
Enquanto um dos assaltantes esperava num carro vermelho, outros três entraram na farmácia, encapuzados e de caçadeiras de canos serrados em punho. “Dinheiro”, disseram à empregada cuja reacção foi gritar. Agarraram na caixa registadora, com cerca de 180 euros lá dentro, e fugiram como entraram: em segundos.
Alertado pelos gritos, Luís Candeias pegou num revólver e correu atrás dos assaltantes. “Ninguém me ajudou e a paragem da camioneta estava cheia”, disse o proprietário ao CM. Colocou-se atrás de um poste para se proteger e quando viu a quadrilha pronta a fugir disparou “quatro tiros seguidos”.
“Estava trânsito. Tive cuidado para não atingir ninguém”, explicou. Se atingiu, não o sabe, embora a vizinhança afirme que um dos assaltantes ficou a coxear. A caixa registadora foi abandonada logo após os disparos. Durante a fuga, os assaltantes ainda abalroaram duas viaturas.
A PJ esteve no local e recolheu a gravação do sistema de videovigilância. As pistas apontam para um gang de quatro jovens (três negros e um branco), suspeitos de alguns assaltos nos últimos dias.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)