Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Lar foi evacuado durante exercício

Colisão entre dois carros e camião com derrame de gasolina.
Ana Palma 18 de Novembro de 2016 às 17:23
Bombeiros atuaram como se fosse um acidente real com substâncias perigosas e socorreram três vítimas
Bombeiros atuaram como se fosse um acidente real com substâncias perigosas e socorreram três vítimas FOTO: Pedro Noel da Luz
O principal acesso à cidade de Portimão – a avenida V6 – esteve ontem de manhã condicionado devido à realização de num exercício de proteção civil, em que foi simulado um acidente no transporte de matérias perigosas. O cenário escolhido foi o de uma colisão entre dois carros e um camião-cisterna cheio de gasolina, na zona da Raminha, de que resultaram três vítimas e o derrame de cerca de 3000 litros de combustível.

O exercício, coordenado pelo Serviço Municipal de Proteção Civil de Portimão, permitiu testar a resposta dos meios de socorro. "Pretendemos exercitar os procedimentos de resposta e sustentação das operações de proteção e socorro a um acidente grave, considerando os riscos coletivos para o território municipal e a coordenação das diversas entidades", explicou ao CM Richard Marques, comandante operacional municipal.

No exercício foram ainda evacuados o Lar da Raminha, do Centro de Apoio a Idosos de Portimão, situado junto ao local do acidente e onde se "fez sentir um cheiro intenso a gasolina", bem como o recinto da Escola José Buisel, a qual foi também "atingida pelos efeitos do derrame de combustível".

O exercício integrou-se nas comemorações dos 90 anos dos Bombeiros Voluntários de Portimão e constituiu um dos pontos altos do programa. O balanço foi considerado "muito positivo".

A BP Portugal também avaliou "a capacidade de resposta das medidas de autoproteção numa emergência por parte do posto de abastecimento".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)