Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Leandro: IGE iliba Escola

A Inspecção-Geral de Educação ilibou os responsáveis da escola Luciano Cordeiro, em Mirandela, da morte de Leandro, o menino que se atirou ao rio Tua, após várias queixas de bullying. A IGE concluiu que a morte do jovem não foi provocada por maus tratos da parte de colegas e considera que a direcção da escola não tem responsabilidades na morte.
6 de Abril de 2010 às 17:26
Leandro atirou-se ao rio Tua no dia 2 de Março
Leandro atirou-se ao rio Tua no dia 2 de Março FOTO: D.R.

Leandro, de 12 anos, atirou-se ao rio Tua no dia 2 de Março, em Mirandela, a escassos metros da escola que frequentava. O corpo foi encontrado a 25 de Março, a cerca de dez quilómetros da cidade transmontana. As queixas de bullying já existiam desde 2008, sendo confirmadas por colegas e familiares da criança.

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)