Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

LEVARAM-NA PARA A ZONA DE MONSANTO E AGREDIRAM-NA

Depois de algumas horas a divertir-se numa discoteca do centro de Lisboa, resolveu apanhar um táxi, e ir mais cedo para casa. Mas dois homens, que nunca havia visto, atacaram-na pouco depois de chegar à rua, enfiando-a num carro. A partir daqui começaram largas dezenas de minutos de inferno, que só terminariam na zona da Amadora.
18 de Setembro de 2004 às 00:00
Tudo aconteceu pouco depois das 03h00 de quinta-feira, nas imediações da discoteca ‘Mussulo’, nas Picoas. A jovem, de 17 anos, não teve qualquer hipótese de reagir perante o ataque dos dois indivíduos, que, com rapidez e violência, a meteram num carro.
A partir desse momento, poucos são os pormenores que a vítima conseguiu, posteriormente, descrever. No entanto, ao longo de todo o caminho, foi enorme a coacção física e psicológica para com a jovem.
“Eles acabaram por levá-la para a zona florestal do Monsanto, onde a agrediram com alguma violência”, contou ao Correio de Manhã uma fonte policial.
Depois de ter sido expoliada do telemóvel e de 50 euros em dinheiro, a vítima circulou, por mais algum tempo, no carros dos indivíduos, sendo abandonada perto da Amadora.
“Ela foi encontrada por agentes da PSP perto do palácio de Queluz, e levada para o Hospital Fernando Fonseca”, concluiu o informador.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)