Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Maddie custa 613 mil €

Empenharam-se a fundo na investigação sobre a pequena Maddie e a conta não saiu barata. Segundo os dados revelados pelas próprias autoridades inglesas, a polícia de Leicestershire, região onde vivem os McCann, em Inglaterra, gastou 613 mil euros no caso do desaparecimento da menina inglesa na Praia da Luz.
14 de Fevereiro de 2009 às 00:30
A pedido da PJ, a polícia inglesa interrogou testemunhas regressadas a casa
A pedido da PJ, a polícia inglesa interrogou testemunhas regressadas a casa FOTO: direitos reservados

A polícia não quis revelar em que despesas foi aplicado o dinheiro – invocando o segredo da investigação criminal –, mas adianta que foram feitas diligências em Inglaterra e em Portugal.

Os agentes britânicos entrevistaram testemunhas no Reino Unido e passaram informações sobre possíveis avistamentos à Polícia Judiciária. Durante a investigação, estiveram no Algarve vários agentes ingleses a colaborar com a PJ, facto que também deverá ter pesado nas contas.

Os pais de Maddie defendem a tese de que a filha foi raptada e mantêm um fundo para investigar o que lhe aconteceu. No entanto, o site oficial deixou de divulgar a quantia acumulada e os gastos.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)