Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Madrasta diz na net que pai está morto

Escocesa enterrou corpo do companheiro no quintal de casa.
Alexandre Salgueiro 22 de Fevereiro de 2017 às 02:06
Escocesa informou enteados de que pai tinha morrido pelo Facebook
Louise Kahn enterrou corpo num terreno em Linhares da Beira
Escocesa informou enteados de que pai tinha morrido pelo Facebook
Louise Kahn enterrou corpo num terreno em Linhares da Beira
Escocesa informou enteados de que pai tinha morrido pelo Facebook
Louise Kahn enterrou corpo num terreno em Linhares da Beira
"Ah sim, o vosso pai morreu." Foi com esta curta mensagem através da rede social Facebook que Louise Kahn, a escocesa que enterrou o marido, de 59 anos, no quintal de casa, em Linhares da Beira, Celorico da Beira, informou os enteados, no Reino Unido, da morte do pai.

"Quando lhe perguntámos sobre o funeral, disse-nos que já estava tudo resolvido e negou-nos a oportunidade de nos despedirmos", afirmou ao jornal britânico ‘Daily Mail’ a filha de Alyn Pennycook.

Ao diário escocês ‘Daily Record’, o filho da vítima terá dito que pode ter sido o pai a sugerir ser enterrado no quintal: "Ele era esse tipo de pessoa. Pode ter olhado para os custos do funeral e ter dito ‘cava um buraco e mete-me lá’. Eles não tinham muito dinheiro", adiantou o familiar ao jornal.

Louise Kahn, uma professora de piano, de 46 anos, foi detida a 9 de fevereiro, após a Polícia Judiciária ter encontrado o corpo do marido enterrado na quinta onde o casal morava. A autópsia ao corpo do empreiteiro não revelou sinais de violência ou crime e as autoridades acreditam que morreu de doença terminal, em outubro de 2016.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)