Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Mãe da bebé morta pelo "monstro" do Seixal critica atuação da PSP

Lara, de 2 anos, perdeu a vida às mãos de Pedro Henriques.
S.G. 6 de Abril de 2019 às 01:30
A carregar o vídeo ...
Lara, de 2 anos, perdeu a vida às mãos de Pedro Henriques.
Dois meses após a morte da pequena Lara, de 2 anos, e da avó, Helena Cabrita, às mãos de Pedro Henriques, o homem que ficou conhecido como o ‘Monstro do Seixal’, Sandra Cristina, a mãe da criança, fez uma nova publicação na sua página de Facebook.

Na mensagem, acusa a PSP de inação perante os pedidos de ajuda que fez contra o ex-companheiro. "Gritei e xinguei os polícias de toda a maneira e feitio! Disse-lhes tudo o que lhes queria dizer das outras vezes que os procurei e me responderam que não podiam fazer nada".

Sandra refere que na manhã fatídica seguiu os carros dos bombeiros: "Só pedia por favor para não pararem à frente da casa dos meus pais, mas a minha prece não foi atendida".

Conta que os agentes da PSP, no local, a trataram com indiferença, mas admite que houve um que se destacou pela positiva: "Ele ouviu de mim exatamente o mesmo que os outros, mas os seus olhos... nos seus olhos vi sentimento, vi emoção".

Monstro Lara Pedro Henriques Helena Cabrita Seixal Facebook PSP Gritei
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)