Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Mãe e bebé doente ‘libertados’ do Aeroporto de Lisboa

Djamabo Sanhá e o filho tinham chegado no domingo num voo proveniente da Guiné-Bissau. Menino precisa de ser operado.
J.C.R. 16 de Setembro de 2018 às 09:41
Menino precisa de ser operado
Djamabo Sanhá, 28 anos, ficou retida
Aeroporto de Lisboa
Menino precisa de ser operado
Djamabo Sanhá, 28 anos, ficou retida
Aeroporto de Lisboa
Menino precisa de ser operado
Djamabo Sanhá, 28 anos, ficou retida
Aeroporto de Lisboa
O menino, de dois anos, e a mãe que estavam retidos pelo SEF no Centro de Instalação Temporária do aeroporto de Lisboa foram ‘ libertados’ e já passaram o dia de sábado junto de familiares, residentes em Portugal.

Djamabo Sanhá, de 28 anos, e o filho tinham chegado no domingo num voo proveniente da Guiné-Bissau, apenas com um visto turístico emitido pelo consulado de Espanha e uma carta médica a indicar que a criança precisava de ser operada, devido a um problema nas amígdalas.

Mas os documentos levantaram dúvidas aos inspetores do SEF, o que levou à retenção de mãe e filho até sexta feira, quando receberam um visto válido para duas semanas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)