Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Mãe e filho mortos na Suíça foram sepultados

Mortos com 30 tiros por homem que guardava arsenal.
Paulo Jorge Duarte 5 de Maio de 2018 às 08:16
Ana Bela Reis foi morta na Suiça
Ana Bela Reis foi morta na Suiça
Paulo Rafael foi morto pelo pai, Américo Reis, na Suíça
Funeral realizado ontem
Américo Reis
Américo Reis
Américo Reis com o cão
Ana Bela Reis foi morta na Suiça
Ana Bela Reis foi morta na Suiça
Paulo Rafael foi morto pelo pai, Américo Reis, na Suíça
Funeral realizado ontem
Américo Reis
Américo Reis
Américo Reis com o cão
Ana Bela Reis foi morta na Suiça
Ana Bela Reis foi morta na Suiça
Paulo Rafael foi morto pelo pai, Américo Reis, na Suíça
Funeral realizado ontem
Américo Reis
Américo Reis
Américo Reis com o cão
"Custa-me a acreditar que esta tragédia aconteceu, com mãe e filho a morrerem desta maneira", lamentou Maria Mendes, uma das muitas pessoas presentes ontem no funeral de Anabela Baltarejo e Paulo Baltarejo - mortos a tiro, em Payerne, Suíça, na noite de 25 de abril. "Ninguém compreende o que passou pela cabeça do Américo para matar a Anabela e o filho com 30 tiros", referiu a mulher ao CM.

O funeral decorreu na igreja da Branca, em Albergaria-a-Velha. Os corpos foram depois a sepultar. A família das duas vítimas mortais fez saber que não pretendia receber as condolências.

Anabela e Américo estavam emigrados na Suíça. Depois de um casamento de 16 anos, descrito como tumultuoso, Anabela, de 45 anos, deixou o marido e foi viver com o filho, de 18. Américo não aceitou a separação. Matou a mulher e o filho. Paulo morreu primeiro, depois de tentar proteger a mãe.

Na casa familiar, na Branca, a GNR encontrou um verdadeiro arsenal - nove pistolas do exército suíço, 16 sabres e uma espada de cavalaria.

O filho mais novo escapou da morte porque, no dia dos crimes, estava nas aulas num colégio interno.
igreja da Branca Maria Mendes Anabela Baltarejo Payerne Paulo Baltarejo Branca GNR morte
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)