Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Mãe abandona pequeno Daniel

Lídia Freitas não visita o menino de dois anos.
Magali Pinto 23 de Fevereiro de 2015 às 07:55
Há um mês que o pequeno Daniel não vê a mãe. Sobrevive com o pai e a irmã, sem dinheiro, numa casa nova
Há um mês que o pequeno Daniel não vê a mãe. Sobrevive com o pai e a irmã, sem dinheiro, numa casa nova FOTO: D.R.

Lídia Freitas deixou de visitar o filho Daniel, na Calheta, Madeira. O menino raptado pela própria mãe para ser vendido, em janeiro do ano passado, vive com o pai e a irmã, Mariana, numa casa nova. Lídia está indiciada pelo crime de tráfico de pessoas, mas tem direito a duas visitas por semana. Há um mês que não aparece em casa.

"Ela nunca mais cá veio. Ela é que sabe. Nem telefona", disse ao CM Carlos Abreu, pai das duas crianças, que ficou com a guarda temporária após Lídia Freitas ter sido detida pela Polícia Judiciária. Carlos Abreu não trabalha, faz apenas alguns biscates, e atravessa graves problemas financeiros. "Eu não abandono os meus filhos, mas há meses em que tenho de esticar o dinheiro. Este mês ainda não paguei as contas", acrescentou.

Depois de ter sido levada a tribunal, Lídia Freitas combinou com o ex-marido que visitaria os filhos na casa dele, uma vez que agora, com um novo namorado, Lídia vive numa casa sem luz nem água. Chegou a passar uma semana em casa de Carlos Abreu, mas, desde que saiu, há um mês, não mais regressou.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)