Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Magistrada Maria José Morgado substituída depois de 40 anos no MP

Procuradora distrital de Lisboa, com 67 anos, superou os requisitos legais exigíveis de anos de serviço.
13 de Dezembro de 2018 às 19:44
A Procuradora Geral Adjunta e diretora do DIAP de Lisboa, Maria José Morgado
Maria José Morgado
Maria José Morgado
A Procuradora Geral Adjunta e diretora do DIAP de Lisboa, Maria José Morgado
Maria José Morgado
Maria José Morgado
A Procuradora Geral Adjunta e diretora do DIAP de Lisboa, Maria José Morgado
Maria José Morgado
Maria José Morgado
A magistrada Maria José Morgado vai jubilar-se da procuradoria-distrital de Lisboa depois de 41 anos e nove meses ao serviço do Ministério Público.

Morgado, com 67 anos, superou os requisitos legais exigíveis de anos de serviço e, juntamente com outros procuradores, enviou o requerimento de jubilação. O mesmo foi aprovado pelo Conselho Superior do Ministério Público (CSMP) e pela Caixa Geral de Aposentação e oficializado em Diário da República no dia 7 de Dezembro.

Figura diretamente ligada ao desenvolvimento do processo "Apito Dourado", Maria José Morgado é uma voz publicamente ativa contra a corrupção em Portugal. O CSMP irá agora substituir Maria José Morgado no cargo de procuradora distrital de Lisboa no próximo dia 18 de dezembro.

Com a jubilação, a magistrada irá continuar a fazer o seu trabalho mas evita um desconto de 11% da Caixa-Geral de Aposentações, que se inicia com o novo Estatuto do Ministério Público.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)