Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Incêndio de Odemira dominado 18 horas depois de ter deflagrado

Fogo que deflagrou terça-feira tem ainda duas frentes ativas.
Lusa 11 de Setembro de 2019 às 07:37
Bombeiros
Bombeiros
Bombeiros no combate às chamas
Bombeiros
Bombeiros
Bombeiros no combate às chamas
Bombeiros
Bombeiros
Bombeiros no combate às chamas
O incêndio que estava a lavrar desde terça-feira no concelho de Odemira (Beja) foi esta quarta-feira considerado dominado por volta das 09h00, aproximadamente 18 horas após ter deflagrado, disse a Proteção Civil.

O Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Beja disse à agência Lusa que o fogo, na freguesia de São Luís, "está em resolução", mas mantém no local, nesta fase dos trabalhos, 237 operacionais, apoiados por 75 viaturas e três meios aéreos.

Ao longo do combate, o CDOS disse sempre que não havia populações em risco e, questionado hoje pela Lusa, reafirmou não ter conhecimento de qualquer ferido ou habitação ardida em resultado do incêndio.

O alerta para o incêndio em povoamento florestal foi dado aos bombeiros às 14h04 de terça-feira.

As chamas devastaram uma aérea ainda não quantificada de pasto, mato, eucaliptos, sobreiros e medronheiros, referiu o CDOS.
Odemira Beja São Luís Proteção Civil CDOS acidentes e desastres incêndios
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)