Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Mário Machado detido por tentativa de homicídio

Mário Machado foi detido esta quarta-feira em sua casa, por volta das 13h00, por elementos da Unidade Nacional Contra o Terrorismo, da Polícia Judiciária. O líder da extrema-direita é suspeito de um crime de tentativa de homicídio, apurou o CM junto de fontes policiais.
18 de Março de 2009 às 16:41
Mário Machado
Mário Machado FOTO: D.R.

José Manuel e Castro, advogado de Mário Machado, confirmou ao CM a detenção e a apreensão de  um automóvel e um computador pessoal,  mas diz não saber os motivos destas acções. “Já estive nas instalações da Polícia Judiciária e não me deixaram falar com o meu cliente, situação que considero bizarra. Aguardo ser chamado a qualquer momento”.

Mário Machado foi condenado em Outubro de 2008 a uma pena de 4 anos e dez meses de anos de prisão pelos crimes de discriminação racial, ameaça, coacção agravada, detenção de arma ilegal, dano e ofensa à integridade física qualificada, num processo em que foram ainda condenados outros cinco militantes de extrema direita.

No entanto, Machado ficou em liberdade, por ter interposto recurso para o Tribunal da Relação de Lisboa. No próximo dia 15 de Maio, volta a tribunal, desta vez por causa dos insultos e ameaças que dirigiu à procuradora Cândida Vilar.

 

 

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)