Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Mascarilha continua por identificar

Na cidade de Sines desconhece-se ainda a identidade do misterioso ‘mascarilha’, alcunha de um homem que de cara tapada por uma mascara ataca as mulheres na via pública e lhes apalpa os órgãos genitais.
17 de Janeiro de 2007 às 00:00
Com as agressões, quase todas ocorridas no Bairro 1.º de Maio, a durarem há mais de dois meses, instalou-se um clima de insegurança e de suspeição entre os moradores, que pedem mais policiamento. “As pessoas suspeitam umas das outras, porque até pode bem ser um conhecido ou vizinho”, disse uma das moradoras que evita sair de casa à noite.
Custódia Sousa, outra residente, receia pela sua segurança devido à passividade das autoridades. “A GNR já foi alertada, mas desde que isto aconteceu que não aparecem guardas.”
Fonte policial adiantou que o caso “já está a ser investigado” e aconselhou todas as vítimas a “formalizarem queixa no posto de Sines”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)