Mata genro para vingar morte da filha

Manuel Açoriano, de 88 anos, matou António Veríssimo a tiro de caçadeira na casa, em Torres Vedras.
Por Sara G. Carrilho|08.07.18
A relação marcada por violência e discussões diárias entre Manuel Açoriano, 88 anos, e o genro António Veríssimo, de 68, piorou quando o idoso perdeu a filha, que se terá suicidado, há quatro anos.

O pai culpou sempre o marido da filha pela morte. Na sexta-feira, em mais uma desavença, Manuel pegou numa caçadeira e disparou contra o peito de António, que morreu na casa onde vivia com os sogros, em Torres Vedras.

O alerta foi dado por vizinhos que ouviram tiros, às 21h50. Após o homicídio, o idoso ainda ficou barricado no interior da habitação, com a vítima alvejada já morta e com a mulher, doente. Bombeiros e INEM não conseguiram aceder de imediato à moradia e tiveram de esperar por militares da GNR, que convenceram o idoso a entregar-se. Foi levado para o posto e depois entregue à Judiciária.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!